Verde Ghaia Consultoria Online

Quais são os critérios para a inclusão das placas de sinalização?

Quais são os critérios para a inclusão das placas de sinalização?
5 (100%) 1 voto

Uma simples placa indicativa pode evitar acidentes. É ideal que o ambiente de trabalho esteja bem sinalizado para reduzir ao máximo os riscos atrelados à operação da empresa

É comum andarmos pelos corredores das empresas e nos depararmos com placas nas paredes, portas e objetos. Longe de serem objetos decorativos, as placas de sinalização são fundamentais para a correta operacionalização de alguns equipamentos e orientação de procedimentos de segurança em cada local.

As placas possuem diferentes cores e formatos, cada qual com sua função específica de informar às pessoas que circulam no ambiente o que se passa naquele local, bem como os riscos aos quais os indivíduos estão sujeitos.

Este artigo irá explicar um pouco mais sobre as placas de sinalização e seu papel na garantia da segurança das operações nas empresas.

Para que servem as placas de sinalização nas empresas?

As placas de sinalização são instrumentos utilizados para informar ao profissional que tipo de operação se desenvolve no ambiente e quais os riscos atrelados à ela.

A placa não pode ter tom decorativo ou trazer qualquer informação complementar que não esteja atrelada ao fim ao qual ela se destina. Por exemplo, se um equipamento possui partes quentes, deverá haver uma placa nas partes específicas indicando o risco de queimadura na cor determinada pelo padrão de sinalização.

A função das placas é predominantemente preventiva, porque elas transmitem a informação de risco no intuito de evitar o acidente e não de corrigir processos com falhas de segurança.

Existe um padrão para as placas de sinalização?

 

Sim, existe. A empresa não pode definir o formato ou as cores das placas conforme regulamentação interna, pois elas devem seguir a um padrão nacional, que por sua vez é baseado num padrão internacional. Dessa forma, um profissional de outro país que esteja aqui no Brasil, caso não saiba ler em português, não terá problemas para identificar ou ao menos ter uma ideia do que se quer informar em cada placa.

No Brasil a norma que define as cores para a sinalização é a NR-26, e a norma que define os padrões de diversos itens para sinalização segurança, a incluir as placas é a NBR 7195.

No decorrer deste artigo explicaremos um pouco mais sobre cada norma e que elas definem.

Todas as empresas estão obrigadas a sinalizar seus ambientes de trabalho?

A sinalização é obrigatória para todas as organizações. Em geral, dá-se destaque às indústrias, uma vez que as operações produzem mais riscos aos envolvidos. Contudo é necessário destacar que todas as empresas, em algum nível possuem algum tipo de risco atrelado às suas operações.

Um exemplo disso são os escritórios, não há materiais perfurantes, com risco de choques, queimaduras, quedas e etc. contudo há o risco de lesão por esforço repetitivo causado pela digitação, há também o risco de lesão na coluna ou pescoço por má postura. Enfim, cada empresa, em algum grau, maior ou menor oferece um risco aos trabalhadores e é necessário que este risco seja exposto para que acidentes sejam evitados.

Existe uma norma que define as regras para a sinalização?

Sim, na verdade existem duas normas que regulam este assunto no Brasil, como citamos anteriormente neste mesmo artigo.

As normas que definem as regras para as placas de sinalização são a NBR 7195 e a NR-26. Abaixo vamos explicar um pouco mais sobre cada norma.

A NR-26 é uma norma regulamentadora publicada pela primeira vez em 1978 e com sua última edição feita em 2015. Ela define as cores a serem utilizadas no ambiente de trabalho, bem como as rotulagens de produtos manuseados pelos trabalhadores

Como exemplo, temos coloração padrão para tubos à vista nas empresas, cada qual deverá ser pintado com cores específicas para seu fim. Tubos de água para incêndios deverão ser de metal e pintados na cor vermelha.

Tubos de água potável deverão ter outras cores, bem como tubos para transporte de gases, combustíveis e etc. Não podem haver tubos destinados aos produtos químicos com as mesmas cores de um tubo de água por exemplo.

A NR-26 também definirá padrões de rotulagem como pictogramas, materiais sinalizadores e formas dos itens de sinalização.

A NBR 7195 é específica sobre cores. Em seu cabeçalho ela traz como objetivo: “Esta Norma fixa as cores que devem ser usadas para prevenção de acidentes, empregadas para identificar e advertir contra riscos.”

As cores definidas pela norma são respectivamente:

– vermelha –  indica proteção e combate à incêndios e indicação de parada obrigatória
– alaranjada – indica perigo e é usada principalmente em partes móveis de equipamentos
– amarela – indica cuidado, o operador deverá ter atenção especial à atividade
– verde – indica segurança, como por exemplo equipamentos de primeiros socorros
– azul – indica ação obrigatória, como por exemplo a colocação dos EPI’s
– púrpura – perigo de contaminação nuclear ou irradiação eletromagnética
– branca – indica circulação de pessoas como passarelas ou áreas de travessia
– preta – indica coletor de resíduos, exceto os de saúde.

Como a OHSAS 18001 se relaciona com a sinalização de segurança?

A OHSAS 18001 é a norma mais usada no mundo para a certificação de sistemas de gestão de saúde e segurança do trabalho, ela em breve será atualizada para a ISO 45000.

A OHSAS 18001 implementa nas empresas vários padrões operacionais que buscam elevar a segurança das operações, bem como aumentar o nível de controle e previsibilidade dos riscos do processo.

Um dos principais temas tratados pela norma é a questão na sinalização. A OHSAS 18001 se baseará tanto na NR-26 quando na NBR 7195 para definir como serão afixados os sinalizadores da empresa.

Durante o processo de auditoria para a certificação na OHSAS 18001, uma das questões mais avaliadas é a da sinalização, sendo que a depender do nível de inadequação da empresa, pode ser constatada uma não-conformidade grave que pode até impedir a aprovação e emissão do certificado.

Conclusão

É importante que a empresa se adeque às normas de segurança quanto à sinalização de suas operações, pois elas ajudarão a reduzir os riscos de acidentes no trabalho.

A certificação na OHSAS 18001 irá com certeza implementar todos os padrões necessários à uma operação de primeira linha em termos de segurança. Para garantir uma implementação de sucesso, conte sempre com a Verde Ghaia Consultoria Online.

Compartilhe nas redes sociais:

        

0 Comentários

Deixe o seu comentário!