Verde Ghaia Consultoria Online

Por que as Organizações devem pensar numa Gestão de Risco?

A construção de um negócio passa pelas mais diversas etapas de crescimento – e cada uma adiciona camadas de riscos. É um processo natural, mas que você não precisa deixar existir por conta de uma coisa chamada Consultoria de Risco.

Afinal, se você entende quais são os riscos que a empresa esta suscetível, é possível compreender quais medidas tomar para evitá-los. Isso acontece através de profundo estudo do negócio e do mercado no qual ele se insere. Dessa forma, acaba sendo bastante efetivo contar com uma Consultoria em Gestão de Risco – e se lhe falta conhecimento acerca, é hora de conhecer.

O que é Consultoria de Risco?

Tudo que é projetado de forma criativa ou inovadora porta algum tipo de risco, fazendo dele algo necessário. Uma empresa não cresce quando não toma riscos, restando-lhe apenas a opção para que sejam menores. Essa se trata da Consultoria de Gestão de Risco, uma atividade que produz análises de risco criteriosas e minuciosas. Em sua produção, todas as possíveis ameaças são observadas, de forma a catalogar cada uma que ameaça seu negócio.

Sendo assim, se volta para identificação dos riscos relacionados às escolhas estratégicas, de operações e tomada de decisão. Em resposta, se utiliza da análise para propor uma tática para lidar com esses riscos.

Assim, as medidas a serem tomadas são:

  • Prevenção;
  • Proteção;
  • Recuperação;
  • Seguro;
  • Compensação.

Dessa forma, Consultoria de Risco acaba não sendo só um extra da empresa, mas parte essencial do negócio. Não só uma ferramenta para controle de danos, mas parte indispensável para manter o desempenho de uma empresa.

Afinal, influencia na tomada de decisão ao direcionar o negócio através de um perfil de risco x retorno otimizado.

O papel da norma ISO 45001 na Consultoria de Risco

Antigamente, a gestão de Riscos e Oportunidades era normatizada através da OHSAS 18001, mas depois foi substituída pela ISO 45001. A maioria dos requisitos se manteve, mas houve algumas alterações significativas. Dessa forma, a ISO 45001 tem uma abordagem mais importante pelo foco que traz à gestão de riscos, sendo necessário implantá-la como um todo. Um destaque é o requisito 6.1, voltado para ações de abordagem de riscos e oportunidades.

Mas mesmo com essas alterações, a prática da Consultoria de Risco não passou por tantas mudanças.

Como fazer Gestão de Risco?

A Consultoria de Risco pode assumir diferentes tarefas dentro de sua estratégia, de análise simples da situação à elaboração de um planejamento. De qualquer forma, permite uma intervenção de possíveis riscos seguindo etapas como:

  • Mapeamento: Estruturação dos riscos, identificando as principais áreas atingidas e qual a prioridade para intervenção. Daqui se projeta a estrutura ideal para Consultoria de gerenciamento.
  • Análise: Etapa que utiliza do mapeamento para avaliação estrutural da organização e da cadeia de suprimentos. Assim, de maneira ascendente, os riscos são reconhecidos e preparados para catalogação.
  • Classificação: Aqui ocorre a classificação dos tipos de risco e identificação de cenários onde ocorrem, permitindo que se tenha entendimento das causas. Dessa forma, é elaborada também uma estimativa de impacto do risco para a empresa.
  • Planejamento para Prevenção: Após total identificação do risco, se faz necessário o plano de prevenção e mitigação. Aqui cabe também uma pesquisa para otimizar as soluções de seguro para a empresa, de forma que não ocorra ação do risco novamente.

Para que serve a Consultoria de Gestão de Risco?

Dessa forma, qual o papel de uma Consultoria de Risco para a empresa? Afinal, ela presta o serviço de análise criteriosa e minuciosa dos riscos, de área de atuação deles e de seu impacto. Contudo, deve ser tornado mais clara a necessidade de contar com esse tipo de serviço. De certa maneira, os riscos não são devidamente lidados internamente pela empresa, até por não haver na organização um profissional para isso.

E riscos surgem em qualquer ação que se tome dentro do negócio, é parte do processo de mudança que um planejamento promove. Se faz então necessário a presença de uma Consultoria de Gerenciamento em Riscos. A presença de uma equipe profissional promove uma gama de atuação em áreas como processo, finanças, produção, saúde, segurança, continuidade do projeto, etc. A experiência e expertise de uma Consultoria é essencial para sobrevivência do negócio.

Além disso, eles são profissionais capazes de impor todas as etapas de uma Consultoria em Gestão de Risco, do Mapeamento ao Planejamento. Assim, também agem nos mais diferentes cenários de risco e variados níveis de impacto.

Os benefícios da Gestão de Risco

A Consultoria em Gestão de Risco carrega muitos benefícios, sentidos de maneira mais clara ou mesmo de forma subentendida. No entanto, todos são observados quando o Gerenciamento de Risco é posto em prática.

Análise objetiva: Não só identifica o problema, como o cataloga e investiga a sua causa, assim como seu impacto estipulado e área de atuação. Dessa forma, a análise que ocorre é mais profunda e baseado em dados com respaldo.

Reduz custos: Com os riscos identificados, assim como suas causas, o controle adequado é posto em prática, com custos bem definidos. Os recursos para gerenciamento de riscos são mais eficientemente aplicados, com custos ajustados ao orçamento atual.

Assegura fator humano: Com riscos controlados e simulações bem montadas, os funcionários não correm ameaça contra integridade física, psicológica ou emocional.

 Possibilita avaliação de futuro da empresa: Com noção dos custos e possíveis riscos a serem tomados, é possível estabelecer um planejamento empresarial a curto, médio e longo prazo. Dessa maneira, a consultoria de riscos permite prever os acontecimentos.

Capital da empresa é otimizado: Com um risco identificado em todos os seus pontos, é possível ter um capital bem controlado e regulado. Afinal, sem a preocupação de custos eventuais, as margens de lucros positivas acontecem com mais frequência.

Empresa é valorizada: Com uma empresa normatizada sob os requisitos da ISO 45001, e bom plano de prevenção, cria-se valorização no mercado e entre concorrentes.

 E o que acontece quando não ocorre a Gestão de Risco?

 Não só se faz necessário identificar os riscos que surgem para o seu negócio, é necessário classificá-los e propor um plano de prevenção. Dessa forma, sem uma Gestão de Riscos, é sentido impacto tanto direto, quanto indireto na empresa.

Riscos se potencializam: Se os riscos não são tratados, é aprimorada sua chance de ocorrer, até aumentando o impacto de sua ocorrência.

Riscos se tornam recorrentes: Se não há análise e catalogação dos riscos, não são elaborados planos de contingência eficientes. Se não há planos, os riscos se tornam recorrentes, pois não há preparo para evitá-lo e combatê-lo.

Afeta sua imagem e seu capital: A ausência de ações de prevenção e contenção de riscos afeta a imagem da empresa no mercado, pois não se encontra normatizado na ISO 45001. No entanto, não para por aí, pois o capital da empresa também é prejudicado. Isso ocorre pelo encarecimento de operações, margens de lucro diminuídas e, principalmente, eficiência reduzida do negócio.

Custos imprevisíveis: Não é possível haver planejamento de custos sem a total noção de quanto uma eventualidade custará ao orçamento. Dessa forma, sem noção de impacto do risco, é impossível deduzir quanto custará o risco.

Ambiente de trabalho instável: Um ambiente de trabalho é composto de fatores psicológicos, físicos e sociais, que devem estar harmonizados para que os funcionários tenham saúde e segurança. Dessa forma, a falta de Gestão de Risco pode gerar danos em todos esses fatores. E além do fator humano ser afetado, ainda há o fator financeiro com o custo de saúde laboral.

Quando contratar uma empresa de Consultoria em Gestão de Risco?

 Se você entende a necessidade da Consultoria em Gestão de Risco, você deve contar com os serviços de uma empresa o mais rápido possível. Se puder, conte desde sempre com um planejamento de prevenção vindo das mãos de uma equipe profissional.

Afinal, Consultoria de Risco é um ponto importante que define o prejuízo ou lucro de uma empresa. Renegar sua importância é tomar um caminho perigoso, tanto no fator econômico, quanto no humano.

Fale com uma das nossas especialista em GRC – Governança, Risco e Compliance!

Compartilhe nas redes sociais:

        

0 Comentários

Deixe o seu comentário!