Verde Ghaia Consultoria Online

Perspectiva dos ciclos de vida na ISO 14001

Avalie esse post

ciclos de vida na ISO 14001

A nova versão da norma ISO 14001, publicada em 2015, trouxe como principal mudança à necessidade das empresas realizarem a perspectiva dos ciclos de vida na ISO 14001 dos seus produtos e serviços.

Contudo, este requisito inteiramente novo para o processo de certificação e implementação do Sistema de Gestão Ambiental – SGA trouxe bastantes dúvidas às empresas.

A ISO 14001:2015 explícita que os aspectos e impactos ambientais devem ser identificados ao longo do ciclo de vida dos processos, mas que não necessariamente é obrigatório uma Avaliação do Ciclo de Vida (ACV).

Mas o que isso significa? Como desenvolver a perspectiva dos ciclos de vida em uma empresa sem realizar uma ACV? Vamos saber mais sobre esse assunto.

Leia mais sobre aspectos e impactos ambientais em: O que é GAIA (Gerenciamento de Aspectos e Impactos Ambientais)?

Perspectiva dos Ciclos de Vida – o que é?

ciclos de vida na ISO 14001

Antes de tudo, temos que deixar claro que a perspectiva dos ciclos de vida não tem nada a ver com a Avaliação de Ciclo de Vida (ACV). O ACV é uma técnica de mensuração dos possíveis impactos ambientais causados na fabricação e utilização de determinado produto ou serviço. Isso é feito convertendo os impactos ambientais em equivalentes de carbono.

A perspectiva dos ciclos de vida está relacionada na mudança do foco das organizações. A empresa deve ter uma postura mais responsável ambientalmente dentro da cadeia produtiva onde atuam. Antes analisavam os aspectos ambientais considerando os seus impactos ambientais enquanto estes estavam em seu poder. Agora a empresa precisa enxergar e avaliar onde é possível controlar ou influenciar no ciclo de vida. Como exemplo, avaliar a escolha de matérias-primas que causem um menor impacto ambiental, optando por materiais de fontes renováveis ao invés de fontes não renováveis. Ou a escolha de um transporte que gere menos impactos ambientais.

O foco da perspectiva dos ciclos de vida é a busca por práticas socioambientais para a produção e o consumo conscientes, incluindo o uso eficiente de matérias-primas e energia e o gerenciamento de resíduos sólidos seguindo a ordem de prioridade da Política Nacional de Resíduos Sólidos.

O pensamento do Ciclo de Vida segundo a ISO 14001/2015

ciclos de vida na ISO 14001

A norma ISO 14001 declara que não é necessária avaliação detalhada do ciclo de vida, mas somente fazer uma perspectiva sobre os estágios que podem ser controlados ou influenciados pela organização.

Quaisquer análises mais detalhadas ficam a critério da própria empresa e não podem ser exigidas por um auditor.

A perspectiva dos ciclos de vida aparece nos itens 6.1.2 e 8.1 da norma, que tratam, respectivamente, da identificação dos aspectos ambientais e do controle operacional.

Saiba mais sobre ISO 14001 em: O que mudou com a ISO 14001:2015?

Como cumprir os requisitos na ISO 14001

ciclos de vida na ISO 14001

Para cumprir estes requisitos é preciso:

1º Destacar os aspectos ambientais relativos à fabricação, extração, produção de produtos, processos ou matérias primas ou prestação de serviço.

2º Considerar a perspectiva para:

  • o projeto e desenvolvimento do produto pensando nos impactos decorrente da , elaboração de um produto ou serviço;
  • a determinação dos requisitos ambientais na aquisição;
  • comunicar os seus requisitos ambientais à terceiros (fornecedores, acionistas, consumidor e etc.);
  • identificar e prover informações para o transporte ou entrega, uso, tratamento pós-uso e disposição final dos seus produtos e serviços.

Outra questão que deve ficar clara para o cumprimento dos requisitos é que a perspectiva dos ciclos de vida deve ser realizada em todas as etapas da produção ou prestação do serviço. Incluindo também, para os serviços contratados e produtos adquiridos.

É vantajoso fazer o ACV?

 

ciclos de vida na ISO 14001

Mesmo não sendo exigência da ISO 14001 para atender as exigências da perspectiva dos ciclos de vida, fazer uma avaliação do ciclo de vida seria benéfico para a empresa?

A decisão depende da própria organização, porém deve ser observado se o setor industrial no qual está inserido exige ou não a avaliação. Algumas empresas são obrigadas a realizar ACV.

A Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) é uma técnica  para mensura os possíveis impactos ambientais causados na fabricação e utilização de determinado produto ou serviço. É mais conhecido pelo termo do “berço ao túmulo”, na qual são levantados os dados em todas as fases do ciclo de vida do produto.

No ciclo de vida consideram-se todas as etapas de produção e uso do produto – da extração das matérias-primas, passando pela produção, distribuição até o consumo e disposição final, contemplando também reciclagem e reuso quando for o caso.

O desenvolvimento de uma ACV pode auxiliar no atendimento a outros requisitos da norma ISO 14001/2015.

Leia mais sobre ciclo de vida em: O que é ciclo de vida do serviço?

Benefícios da Avaliação do Ciclo de Vida

Os benefícios da ACV para perspectiva dos ciclos de vida incluem também:

  • ações para a redução de resíduos, emissão de gás e de outros impactos ambientais que podem ser quantificadas e identificadas através da ACV, garantindo tanto a melhoria contínua quanto a redução de encargos ambientais;
  • desenvolvimento e controle da cadeia de valor através do mapeamento de processos, quantificação de entradas e saídas, avaliação de cenários e antecipação da geração de impactos;
  • aumento da capacidade de mudanças na organização;
  • complemento à análise de riscos e oportunidades;
  • promoção de inovação.

A Perspectiva dos ciclos de vida identifica os fatores ambientais que ocorrem antes, durante e depois da produção. Para essa identificação é necessário considerar os aspectos ambientais e, posteriormente, tomar ações para minimizar os impactos negativos ao meio ambiente.

Concluímos que a ISO 14001 versão 2015, requer das empresas uma abordagem estruturada a todos os aspectos dos produtos e serviços. São referências à perspectiva do ciclo de vida: o contexto da organização, os aspectos ambientais significativos, obrigações de conformidade e riscos associados a ameaças e oportunidades.

Gostou desse tema ou achou o assunto relevante? Deixe seu comentário abaixo ou compartilhe o conteúdo nas redes sociais.

Precisa se aprofundar um pouco mais a respeito? Leia: Tudo que você precisa saber sobre o ciclo de vida do produto/serviço

Compartilhe nas redes sociais:

        

0 Comentários

Deixe o seu comentário!